Prefeita Monica Aguiar participa do tradicional Café da Manhã para os pescadores no Dia de São Pedro

pescador 2
Prefeita Monica Aguiar participa do tradicional Café da Manhã para os pescadores no Dia de São Pedro

A Prefeitura de Camocim realizou na manhã desta sexta – feira, 29, o Café da Manhã do Pescador, na data dedicada ao Dia de São Pedro, com a presença da prefeita Monica Aguiar. O evento que aconteceu na sua 6 ª edição, foi realizado em frente a Colônia de Pescadores Z-1.

Na ocasião, foi promovida a competição, “A melhor história de pescador”, para a melhor narrativa contada pelos profissionais do mar. “ Muito gratificante ter esse momento só nosso. Ser lembrados pela gestão municipal e poder contar um pouco de nossas história vividas no mar”, contou seu José Augusto, vencedor do concurso e que ganhou um motor de rabeta, de 6,5 HP de potência, como premiação.

Rosana Lima, Secretária adjunta da Setur do município, salientou o compromisso em dar continuidade com a ação. “Mais uma vez, estamos compartilhando um café da manhã para estes bravos homens. E, isso só é possível com o apoio da prefeita Monica que olha com muita atenção estes pescadores”, finalizou.

“ Esta é uma festa comemorativa que tem o intuito de homenagear nossos pescadores,
símbolos permanentes da maior atividade comercial e patrimônios vivos da cultura de Camocim. Melhor ainda celebrarmos a data juntamente com a homenagem ao dia do Protetor e Padroeiro dos Pescadores: São Pedro”, enfatizou Monica Aguiar.

 

 

 

 

 

 

 

 

Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Camocim

Conheça Também

WhatsApp Image 2021-06-18 at 13.40.09
Praia da Tatajuba

Tem alguma pergunta?

Temos uma equipe especializada para tirar suas dúvidas, entre em contato da forma que achar mais fácil, e-mail, telefone ou pelo canal de ouvidoria.

Amor

Ilha da Testa Branca (Ilha do Amor)

A Ilha da Testa Branca, também conhecida como Ilha do Amor, localiza-se em frente à cidade. Contém manguezais, dunas e praias, os belíssimos espelhos d’água no período das chuvas, sendo muito visitada por banhistas e por apreciadores da culinária regional. O acesso é através de balsas que cruzam o rio Coreaú. Da ilha tem-se uma bucólica visão da cidade, com casas à beira mar, os barcos ancorados próximo à borda da calçada que margeia o rio, as falésias avermelhadas e os coqueirais emoldurados pelo lindo céu azul.

Pular para o conteúdo