Tiro de Guerra de Camocim celebra o Dia do Exército Brasileiro

A Solenidade Alusiva ao Dia do Exército nesta quarta – feira, 19, em Camocim, na sede do TG 10-001, contou com a presença da Prefeita Municipal e Diretora do Tiro de Guerra, Monica Aguiar, Comandante Anderson Carvalho, Sub Tenente Lauro Anísio, TG 10-001, Sargento Rooselvet, 3° Batalhão da Polícia Militar, Capitão – Tenente Henrique Pereira e o Tenente Walney  da Capitania dos Portos. A data marca a nacionalidade brasileira na batalha dos Montes Guararapes, em 1648, e a origem da Força Terrestre.

Em seu discurso, a prefeita Monica Aguiar, falou sobre a importância do dia.  “Não poderia esquecer, de uma data com especial importância para todos nós brasileiros que é o dia do Exército,  um momento onde nós relevamos a nossa Pátria. E esse ano de forma toda especial, estar aqui no nosso Tiro de Guerra, ele que é Patrimônio de todos nós camocinenses e que completará cem anos, têm muita história pra ser contada e cidadania formada”. A  Diretora do TG 10-001, também destacou a estima  que os atiradores tem junto á população: “destaco a importância dos atiradores e de sua valorização na sociedade, destaco o empenho deles por exemplo, no período da Semana Santa, com o apoio na distribuição de cestas básicas às nossa famílias mais carentes”.

Em sua fala, o comandante Anderson, afirmou seu contentamento: “Realizamos nesse dia, nossa solenidade em comemoração a essa data tão importante para os militares, 19 de abril. Não esquecendo, de agradecer a prefeita Monica Aguiar que é a Diretora do nosso Tiro de Guerra que sempre estar nos apoiando”.

A Ordem do Dia, enviado pelo Comandante do Exército Brasileiro, General Eduardo Dias da Costa Villas Bôas, lida na solenidade, destacou em 1648, um século e meio depois do descobrimento do Brasil, o episódio de GUARARAPES revelou a gênese da nacionalidade, sagrado ideal que reuniu brancos, índios e negros, conjurados livremente, para defender a Pátria e expulsar o invasor estrangeiro. Dessa união, da noção de pertencer à terra, da necessidade de proteger o povo, as famílias e as riquezas, nascia uma nação e, com ela, um Exército. Em direção ao futuro, apesar do momento complexo vivido pelo País, o Exército finaliza o texto, segue em sinergia com a sociedade brasileira e atendendo a Constituição Federal. A mensagem destacou ainda  a continuidade de projetos estratégicos, como a adoção do blindado Guarani, de fabricação nacional, o desenvolvimento de plataforma de Mísseis de Longo Alcance e a implantação do Comando de  Defesa Cibernética, aceitando os desafios da nova era.

CERIMÔNIA

Após as honras militares, o Comandante Anderson Carvalho, apresentou a tropa, para o início da cerimônia. Logo depois, todos cantaram a Canção dos Expedicionários, Hino Nacional e a Canção do Exército junto com a Banda Lira, sob os comandos do Maestro Miguel Arcanjo.  Durante o evento, estiveram presentes, o Secretário Adjunto de Gabinete, Mastroliano Araújo, Ana Paula Lopes, Secretária de Gestão Administração, Francisca Josiane, Secretária de Desenvolvimento Social e Cidadania, Rosana Lima, Secretária de Turismo, Jonnes Costa, Secretário de Pesca, Agricultura e Meio Ambiente, familiares dos militares, além da sociedade civil.

 

ASCOM

Leitor de Página (BETA)
Pressione Enter para ler o conteúdo da página em voz alta Pressione Enter para pausar ou reiniciar a leitura do conteúdo da página em voz alta Pressione Enter para parar de ler o conteúdo da página em voz alta